Grileiros são presos no Gama

Dois grileiros foram presos na região de Ponte Alta Norte, no Gama, com documentos que comprovam a intenção de vender terrenos em área da Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap).


A venda dos terrenos poderia render até R$ 450 mil para os dois supostos corretores. Os suspeitos foram levados à Delegacia do Meio Ambiente (Dema), e vão ser autuados pelo crime de parcelamento irregular do solo.


Mais detalhes da ocorrência serão divulgados pela Secretaria da Ordem Pública e Social (Seops) em coletiva de imprensa.


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário