Governo prepara aumento de impostos e contingenciamento de gastos

O governo anunciou nesta quarta-feira que o aumento de impostos agora é uma grande possibilidade e esta decisão deve sair até a próxima terça-feira, dia 28. Também deve ser anunciado um contingenciamento de gastos. A afirmação foi feita pelo ministro da Fazenda, Henrique Meireles.

A equipe econômica do governo federal anunciou que nos primeiros dois meses de 2017 a previsão com a arrecadação de impostos caiu e os gastos primários obrigatórios subiu. A diferença entre o previsto e a avaliação bimestral chega a mais de R$ 58 bilhões, com uma queda de R$ 54 bilhões na receita e um aumento de quase R$ 3,5 bilhões nos gastos.

Henrique Meireles disse que o valor total do contingenciamento e o provável aumento de impostos deve ser anunciado nesta terça-feira, porque o governo calcula ainda quanto poderá ganhar em receita com decisões judiciais recentes. Mas acredita que só o contingenciamento não deve ser suficiente para cobrir o rombo de R$ 58 bilhões.

O Ministério do Planejamento argumenta que a queda na receita se deve, em parte, à queda na expectativa para o aumento do PIB deste ano. A previsão do Produto Interno Bruto de 2017 era de um aumento de 1,6%, mas agora o governo estima que só crescerá 0,5% em relação ao ano passado.

Fonte:

Deixe uma resposta