Governo da Bulgária renuncia

O primeiro-ministro búlgaro, Boiko Borisov, anunciou nesta quarta-feira (20/2) no Parlamento a renúncia do governo, depois de 10 dias de protestos contra o preço da energia elétrica.


“Temos dignidade e honra. O povo nos confiou o poder, hoje o devolvemos”, declarou Borisov, antes de explicar que não participará em um governo interino antes das eleições legislativas.


Como a celebração das eleições já estava programada para julho, a renúncia do governo apenas antecipará a data em algumas semanas.


Fonte: France Press

Sites e Blogs

Deixe um comentário