GDF convoca 18 mil famílias inscritas no “Morar Bem”

O anúncio da convocação de mais 18.091 famílias para entregar documentos e se habilitar a receber a primeira moradia no DF pelo “Morar Bem/Minha Casa, Minha Vida” foi realizado hoje, pelo governador Agnelo Queiroz, em visita às obras do empreendimento “Paranoá Parque”.

Governo divulga lista do Morar Bem 2015

 

“Aqui vamos fazer 6.240 unidades habitacionais para quem mais precisa. Quem ganha até R$1,6 mil poderá ser contemplado e pagar parcelas mensais entre R$25 e R$80, por 10 anos, para morar num apartamento que custa, em média R$65 mil”, disse o governador Agnelo Queiroz.

As pessoas convocadas, que poderão optar por residir no novo empreendimento, devem comprovar seus dados, conforme calendário estabelecido pela Codhab. (Clique aqui)

O investimento para a construção das unidades no “Paranoá Parque” é de R$396 milhões, valor subsidiado pelos governos local e federal, além de R$45 milhões aplicados na infraestrutura, em itens como implantação de água encanada, iluminação pública, esgoto, drenagem pluvial e calçadas.

Os futuros donos -que receberão a escritura e poderão contar com escolas, centros de saúde e assistência social– terão apartamentos com dois quartos, sala, banheiro e cozinha acoplada à área de serviço.

Hosana de Lima, 40, que mora de aluguel com três filhos, além de ter sido contemplada pelo programa, foi beneficiada há dois meses com um emprego de auxiliar de serviços gerais na obra do empreendimento.

“Nunca tinha trabalhado fichada antes e, agora, estou ajudando na construção da minha própria casa. Esse programa está mudando a minha vida”, disse, ao afirmar que há 10 anos mora em imóveis alugados na cidade.

A entrega dos primeiros 600 apartamentos –do total de 6.240-, construídos em 390 blocos, com 16 unidades habitacionais cada, deve ser feita até março de 2014 e a previsão é que a construção seja completamente concluída até abril de 2015.

 

BALANÇO – Com o chamamento de hoje, as convocações realizadas pelo GDF alcançaram aproximadamente 140 mil candidatos, dos quais 55 mil comprovaram os dados declarados no cadastro e se habilitaram para a fase de análise de crédito.

Após aprovação pelos agentes financeiros e contratação do financiamento, o inscrito receberá a moradia assim que as obras forem concluídas em um dos três locais que indicar.

Até agora, o governo lançou editais para a construção de 90 mil unidades habitacionais, unidades em Samambaia, São Sebastião, Gama, Santa Maria, Sobradinho, Recanto das Emas, Paranoá, Riacho Fundo II, Itapoã e Planaltina.

Estão em construção 8 mil moradias no Jardins Mangueiral, onde 3.612 foram entregues; 168 em Santa Maria; 6.240 no Paranoá; e 5.904 no Riacho Fundo II.

A meta é construir 100 mil moradias, e os demais editais estão em fase de contratação do financiamento, seleção de empresa ou aguardam aprovação de projetos.

A lista com o nome dos convocados hoje será publicada até o fim do dia no site do programa “Morar Bem”.

Fonte:

Deixe um comentário