Fraude em concurso público

A Fundação da Solidariedade (Fundaso), suspeita de organizar concurso fantasma para o Instituto Científico Educacional de Assistência aos Municípios (Iceam.gov), nunca existiu no local indicado por ela como sede. Desde as primeiras denúncias de irregularidades publicadas pelo Correio, os gestores da organizadora do certame, investigada pelo Ministério Público Federal do Distrito Federal, se apressam numa força-tarefa para tentar transparecer legalidade. A seleção para o Iceam.gov já teria rendido entre R$ 3 milhões e R$ 5 milhões aos responsáveis pelas irregularidades.


A sede da Fundaso deveria funcionar na cidade goiana de Mambaí, próximo à divisa com a Bahia, a cerca de 300km de Brasília. A casa de alvenaria, de fachada verde, com telhas coloniais e piso de cerâmica branca, está localizada em uma rua de terra logo na entrada do município de 7,2 mil habitantes. A construção ficou pronta, segundo vizinhos, há pelo menos dois anos, mas jamais foi ocupada.


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário