Força-tarefa de líderes tentará convencer Feliciano a sair

Marco Feliciano durante reunião da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados

Marco Feliciano durante reunião da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados (Alan Marques/Folhapress)
Os líderes partidários da Câmara dos Deputados vão tentar, na próxima semana, convencer o deputado-pastor Marco Feliciano a renunciar ao comando da Comissão de Direitos Humanos. A decisão de formar a força-tarefa foi tomada nesta terça-feira, dia em que Feliciano ganhou o respaldo de seu partido, o PSC, que decidiu mantê-lo à frente da comissão. Em anúncio feito pelo vice-presidente da legenda, Everaldo Pereira, a bancada e a Executiva Nacional do PSC defenderam a permanência de Feliciano no cargo.
A bancada justificou a permanência de Feliciano com base em um histórico da aliança com o PT, que agora pressiona pela saída do pastor do cargo. Os dirigentes do PSC argumentaram que já apoiaram o PT em diversas eleições, incluindo a presidente Dilma Rousseff, em 2010.
Fonte: Veja Online
Sites e Blogs

Deixe um comentário