Fim das buscas de Paschoali

Amigos e familiares de Artur Paschoali, jovem brasiliense que desapareceu no Peru em 21/12 do ano passado, organizam manifestação prevista para esta sexta-feira (22/3), a partir das 8h, em frente ao Palácio do Planalto.

Divulgação via Facebook do protesto 'Queremos achar o Artur' (Facebook)
Divulgação via Facebook do protesto “Queremos achar o Artur”

O movimento “Queremos achar o Artur” foi criado após a suspensão do apoio presencial dado pelo Itamaraty às buscas do estudante de 19 anos, no início de março. No entanto, a mãe de Artur, Susana Paschoali, continua no Peru.

Artur Paschoali desapareceu, em Machu Picchu, quando avisou a amigos que caminharia pela região para fazer fotografias. Paschoali estava em Machu Picchu trabalhando em um restaurante.


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário