Feliciano enfrenta protesto no sul de MG

O deputado-pastor Marco Feliciano é escoltado por seguranças e acessores até a sala de reunião

Deputado tem sido alvo de protestos desde que assumiu a presidência da comissão (Sérgio Lima/Folhapress)
Alvo de protestos em encontro evangélico em Passos, Minas Gerais, o deputado federal e pastor Marco Feliciano (PSC-SP) teve de sair escoltado de um ginásio. Antes disso, fez um discurso inflamado em que falou dos ataques que tem sofrido. A presença de Feliciano e a confusão com os manifestantes foi registrada na noite desta sexta-feira no Ginásio Elzo Calixto Mattar, no bairro São Francisco.
O evento foi organizado pela União das Igrejas Abençoando Passos (Uniap) e reuniu cerca de 2.000 pessoas. Feliciano não largou a bíblia ao chegar, descer do carro e entrar no ginásio. Já no interior do local, falou aos fiéis se dizendo vítima de perseguição e obteve apoio para continuar presidindo a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara Federal.
Enquanto discursava aos evangélicos, cerca de cinquenta pessoas protestavam do lado de fora do ginásio. Como das outras vezes, com faixas e cartazes eles gritavam palavras de ordem e pediam a saída do parlamentar da comissão. Os manifestantes defendem que Feliciano não deveria presidir a comissão baseando-se em acusações de que ele já deu declarações racistas e homofóbicas.
Fonte: Veja Online
Sites e Blogs

Deixe um comentário