espaços de lazer para idosos

Uma sessão de cinema só para eles: 45 moradores do Cruzeiro foram a um shopping da cidade na manhã de ontem para ver um filme com o ex-007 Pierce Brosnan (Edílson Rodrigues/CB/D.A Press)
Uma sessão de cinema só para eles: 45 moradores do Cruzeiro foram a um shopping da cidade na manhã de ontem para ver um filme com o ex-007 Pierce Brosnan

Cada um guarda, em sua memória, uma história de vida. Tristezas, alegrias, amizades, amores e algumas dolorosas despedidas. A intensidade com que viveram décadas não poderia ser deixada de lado, ainda que a idade exija alguns cuidados, principalmente, com a saúde. Com 60, 70 e até 90 anos, eles agora aproveitam o tempo disponível para manter antigos prazeres e descobrir novos talentos. Para isso, os idosos do DF têm recorrido aos grupos da terceira idade de suas regiões administrativas. As associações e os centros de convivência reúnem 1.400 cidadãos dispostos a construir laços de amizade e ter companhia.

Segundo o Censo de 2010, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), são 198.012 residentes no DF com mais de 60 anos. O índice de 7,7% da população é menor que o do Brasil, de 8,6%, mas apresenta um crescimento acelerado e deverá dobrar até 2030, chegando a 14,9%.


O Distrito Federal possui 15 entidades voltadas para esse público, espalhadas por Brasília, Brazlândia, Candangolândia, Ceilândia, Cruzeiro, Gama, Paranoá, Samambaia e Taguatinga.


Fonte: Correio Braziliense

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário