DFTrans agenda entrega de 14 mil cartões do Passe Livre até dia 26

Posto do DFTrans na rodoviária do Plano Piloto teve baixa dos estudantes para retirar o cartão do Passe Livre (Foto: TV Globo/Reprodução)
Posto do DFTrans na rodoviária do Plano Piloto. (Foto: TV Globo/Reprodução)

Responsável pela gestão do Passe Livre Estudantil, o DFTrans montou um calendário até o próximo dia 26 para entregar os 14 mil cartões que já estão aprovados pelo sistema, mas ainda não foram retirados pelos estudantes. As datas foram divulgadas nesta segunda (11) e podem ser conferidas no site do órgão.

Para descobrir o local e a data para retirar o cartão, o estudante deve clicar em “verifique seu nome nas listas de atendimento”. A lista indica a data e o local da retirada do cartão – rodoviária do Plano Piloto ou Galeria dos Estados.

O primeiro prazo começou já nesta segunda e vai até quarta (13). Neste período, 3.645 estudantes devem retirar o cartão nos dois pontos de entrega. Eles também foram avisados por email, segundo o DFTrans.

Nos dias 14, 15 e 18, cerca de 2,5 mil estudantes devem ir à rodoviária e 1.808, à galeria. Estão agendadas outras três listas de entrega de cartões: duas para os dias 19, 20 e 21 (2,5 mil na rodoviária, mais 897 na Galeria) e outra para os dias 22, 25 e 26 (2,5 mil na rodoviária).

No último sábado (9), quase 300 pessoas foram atendidas nos postos do DFTrans abertos para a resolução de pendências (Galeria, Na Hora de Taguatinga, Gama e Ceilândia).

Lista disponível no site do DFTrans com datas e locais para retirada do cartão do Passe Livre (Foto: DFTrans/Reprodução)
Lista disponível no site do DFTrans com datas e locais para retirada do cartão do Passe Livre (Foto: DFTrans/Reprodução)

Problemas
As inscrições na plataforma online do DFTrans começaram no dia 1º de março e terminaram em 1º de abril, com prazo de análise das inscrições de 20 dias úteis. Em um mês, a autarquia recebeu 227,1 mil pedidos de liberação do Passe Livre Estudantil. Destes, apenas 115 mil (50,6%) foram liberados.

Para análise dos cadastros foram destacados 50 trabalhadores divididos em dois turnos, das 7 às 19 horas. Os estudantes que perderam o prazo na época foram informados pelo DFTrans que só conseguiriam obter o cartão do Passe Livre no segundo semestre de 2016. Após protestos e ocupação do posto da rodoviária por uma semana, a autarquia voltou atrás e decidiu reabrir o cadastro e a resolução das pendências.

Em junho estudantes voltaram a ocupar o posto do DFTrans localizado na rodoviária, alegando problema nos cartões de Passe Livre que estavam aprovados no sistema. A autarquia determinou que os estudantes que não resolvessem as pendências até 30 de junho teriam o cartão suspenso.

 


Em três dias, governo arrecada R$ 255 mil em multas por lei do farol baixo

Suspeito de tráfico, garoto é detido com armas e R$ 20,6 mil no DF; veja

Bancos de leite de Brasília precisam de doações com urgência

Fonte:

Deixe um comentário