Denatran e motoboys não chegam a acordo

 (Agência Brasil)

Representantes do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e de sindicatos de motoboys e mototaxistas não chegaram a um acordo em reunião hoje (5), no Ministério das Cidades, sobre a aplicação das novas regras para cobrança de cursos especializados para esses profissionais, previstas na Lei 12.009, de 2009. O início da fiscalização já havia sido adiado duas vezes, a última de agosto do ano passado para o último sábado (2). Mesmo sem o consenso, o Ministério das Cidades informou que as regras estão valendo, inclusive a aplicação de multas e demais penalidades.

Uma proposta de resolução será apresentada pela Associação Nacional dos Detrans, em conjunto com Sindimoto/SP e o Sindimoto/DF, na próxima reunião do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) que poderá amenizar o impasse entre governo e os sindicatos das categorias, informou a Secretaria-Geral da Presidência, representada na reunião pelo assessor José Lopez Feijoó.


A resolução vai propor que a fiscalização obedeça a um plano de execução, de acordo com a realidade de cada estado.


Fonte: Agência Brasil

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário