Cabos derretem e metrô para

Curto-circuito causa pane elétrica e obriga passageiros a pegar ônibus

O transporte público do Distrito Federal, que ainda não havia dado sinais de fraqueza durante a Copa do Mundo, voltou a apresentar problemas. Na terça-feira (1), usuários do metrô, trabalhadores e turistas chegaram atrasados em seus destinos e sofreram com o precário transporte da capital federal.      O problema foi gerado por um curto-circuito que derreteu cabos e provocou uma pane elétrica no sistema, desativando do trajeto todas as estações do Plano Piloto, com exceção da estação Asa Sul. A circulação lenta e as demoradas paradas entre as estações também revoltaram os passageiros.

METRÔ 2014 (2)A falha atingiu, inclusive, a estação Central, que dá acesso a Rodoviária do Plano Piloto. Sem ter como chegar, usuários tiveram que pegar ônibus no Terminal da Asa Sul para chegar a Rodoviária. No trajeto, os passageiros foram informados de que o DFTrans havia disponibilizado ônibus gratuitos para fazer o deslocamento. No entanto, todos tiveram que pagar outra passagem.

“Tive que voltar para a estação Terminal Samambaia para pegar o metrô em direção a Asa Sul. Os trens que chegavam a Taguatinga Sul já estavam lotados e não cabia mais ninguém. Isso custou uma hora de atraso no meu trabalho”, contou Claudia Boaventura.

Na quarta-feira (8), o metrô só começou a operar às 8h, quando deveria abrir às 6h.

Fonte:

Deixe um comentário