Bolívia reitera intenção de recorrer a Haia contra o Chile

O presidente da Bolívia, Evo Morales, reiterou a intenção de processar, na Corte Internacional de Haia, o governo do Chile na disputa para obter uma saída para o mar. Morales disse que ainda aguarda a possibilidade de diálogo com os líderes chilenos, mas a experiência tem mostrado a impossobilidade de avanços. O boliviano criticou os últimos presidentes chilenos Sebastián Piñera, cujo mandato está terminando, e a antecessora Michelle Bachelet.

A disputa entre chilenos e bolivianos por uma área que dá acesso soberano ao mar foi intensificada no século 19 com a chamada Guerra do Pacífico. Na ocasião, a Bolívia perdeu cerca de 400 quilômetros de litoral e 120 quilômetros quadrados de território para o Chile, na disputa que também envolveu o Peru.

Fonte: Agência Brasil

Extratos dos Jornais

Deixe um comentário