Armas de brinquedo serão recolhidas em escolas

Em dois meses, campanha arrecadou quase 7 mil revólveres de plástico

Estudantes de 10 escolas públicas e privadas de Ceilândia participarão, amanhã, da campanha Arma Não é Brinquedo, Dê Livros, que pretende recolher 500 armas de plástico e transformá-las em uma escultura.

“Queremos fazer de nosso país um lugar onde a cultura das pessoas seja associada à paz, sem violência”, ressaltou o secretário de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania do DF, Alírio Neto.

A ação é feita em conjunto pela Secretaria de Justiça e a Polícia Militar, e chegou a recolher quase 7 mil armas de brinquedo de algumas escolas em Ceilândia desde que a campanha foi lançada, em 15 de abril – Dia do Desarmamento Infantil.

A intenção da pasta é que a campanha incentive o comportamento pacífico nas ações da sociedade, principalmente na resolução de problemas a partir de pequenas atitudes, como a troca de brinquedos que estimulem a violência por livros.

Serviço:

Recolhimento de armas da campanha Arma Não é Brinquedo, Dê Livros

Data: 20 de junho

Horário: 8h

Local: Concentração no Núcleo do Pró-Vítima Ceilândia localizado no endereço EQNN 05/07, Ceilândia Norte

Fonte:

Deixe um comentário