Após 11 dias interditada, faixa reversa em trecho da BR-070 é reativada no DF

 
Veículos na BR-070, no Distrito Federal (Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília)
Veículos na BR-070, no Distrito Federal (Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília)

O DER do Distrito Federal retoma nesta segunda-feira (26) a inversão do trânsito na BR-070, que ficou fechada desde 14 de setembro por causa de uma reforma na via. A medida volta a liberar nos dias úteis o fluxo entre o viaduto do Pistão Norte e a entrada da QNG, em Taguatinga, no sentido Plano Piloto.

Apesar de a reforma ter ocorrido em uma rodovia federal, o DER foi responsável pela mudança para dar maior fluidez no tráfego aos motoristas que circulam entre a QNG e o Plano Piloto. Segundo o órgão, nenhuma verba do governo distrital foi destinada às obras.

De acordo com o DER, a inversão ocorre há três anos. De manhã, trafegam pela pista 22,4 mil em média. A pista reversa desafoga o trânsito para quem segue de Ceilândia, Taguatinga, Brazlândia até o Plano Piloto.

 

Alterações no DF
Em junho do ano passado o GDF decidiu que as vias Samdu e Comercial Norte, em Taguatinga, teriam sentido único. A iniciativa era uma tentativa para desafogar o trânsito na região. O Sindicato do Comércio Varejista (Sindvarejista) afirmou na época que as vendas de 400 lojas na região cairiam, causando demissão de pelo menos mil pessoas.

Em 16 de julho, o governo voltou atrás e adiou a mudança. O GDF informou na época que a retomada do projeto e que as mudanças aconteceriam quando a Samdu fosse totalmente recapeada. No dia 2 de junho desse ano as vias foram fechadas para a sinalização das faixas. A velocidade foi reduzida de 60 km/h para 50 km/h.

O Detran colocou nas duas avenidas 364 placas de sinalização. As duas pistas foram liberadas no dia 5 de junho.

Fonte:

Deixe um comentário